Um roteiro pelas vinícolas de Napa Valley

A Califórnia é um lugar realmente especial. Em um único Estado você encontra praias, montanhas nevadas, desertos e florestas. Aliado a isso, o Golden State ainda tem grandes regiões produtoras de vinhos. Eu adoro conhecer vinhedos e vinícolas, e já contei como foi a visita ao Vale de Santa Ynez. Agora é a vez de falar sobre a região de Napa Valley, uma das mais lindas e românticas dos Estados Unidos.

No verão, especialmente aos finais de semana, Napa recebe muitos turistas e pode ser difícil conseguir um hotel. Por isso, reserve com antecedência. Caso contrário, só encontrará as hospedagens mais caras ou um pouco mais distantes das principais atrações.

Como chegar em Napa Valley

Saindo de São Francisco, o mais comum ponto de partida, é possível percorrer o trajeto de 100 km em aproximadamente 1h:30 (é perto), e a melhor forma de chegar e circular pelas cidades é de carro — sem esquecer, é claro, o GPS.

Na verdade, Napa é a primeira cidade do Vale para quem vem de São Francisco, mas também merecem visita as pequenas Yountville, Oakville, Rutherford, Santa Helena e Calistoga, a última cidade que visitamos e onde fica a vinícola Sterling Vineyards. Na verdade, de tão pequenas, é capaz de você nem perceber que passou por algumas dessas cidades sem querer.

As estradas que interligam as vinícolas são ótimas, e pelo caminho é só aproveitar a paisagem e parar nessas cidadezinhas super-charmosas.

Napa Valley Califórnia Na dúvida embarque (2) (Small)

Napa Valley Califórnia Na dúvida embarque (1) (Small)

Napa Valley ficou mundialmente conhecida por ter sido o local escolhido para o roteiro do filme Sideways: entre umas e outras, embora, na verdade, tenha sido filmado em Santa Ynez, outra região famosa pela excelente qualidade de seus vinhos.

O clima ameno, a temperatura e o tipo de solo fazem com que as uvas se desenvolvam muito bem naquele terroir, conferindo características únicas aos vinhos lá produzidos e fazendo da região um importante mercado.

Escolhendo vinícolas em Napa Valley

No Vale há vários produtores e cada vinícola tem suas próprias peculiaridades e regras de visitação. Algumas, mais tradicionais, oferecem degustação e um tour mais conservador, explicando com detalhes sobre o processo de produção do vinho, e sempre com uma lojinha no final do tour.

Outras — aliás, as que eu preferi — permitem chegar mais perto do parreiral, dão uma sensação maior de liberdade e fazem a gente sentir como é a “vida” de uma vinícola. Nestas, a ênfase é aproveitar a atmosfera que o vinho proporciona.

Não sou enóloga, nem grande consumidora, mas como grande apreciadora da beleza da viticultura, escolhi quatro vinícolas (uma em cada cidade) com os critérios de estrutura e degustação; mas são apenas sugestões, diante da enorme quantidade e qualidade de vinícolas da região. Coloque o endereço no GPS para não se perder e curta a viagem!

De todas as vinícolas, a V. Sattui (1111 White Lane – Santa Helena) é uma das mais agradáveis e animadas (é italiana, claro!). É possível almoçar sob a sombra de uma árvore, ao ar livre, caminhar no parreiral, comer uvas diretamente do pé. Essa foi a vinícola mais descontraída de todas e com maior espaço para os visitantes. Eles oferecem degustação em um grande armazém climatizado, mas você pode optar por se sentar em uma das mesas do lado de fora. Também é possível conhecer as caves.

V. Sattui Winery vinícola (Small)

V. Sattui Napa California Na dúvida embarque (7) (Small)

V. Sattui Napa California Na dúvida embarque (2) (Small)

Napa Valley Califórnia Na dúvida embarque (3) (Small)

Napa Valley Califórnia Na dúvida embarque (4) (Small)

A V. Sattui funciona diariamente das 9 às 18 hs, mas para tours nos finais de semana é preciso reservar. O valor do tour é US$ 30,00 por pessoa, mas se quiser apenas dar uma volta, é free.

A visita à vinícola da Sterling Vineyards (1111 Dunaweal Lane – Calistoga) começa com um agradável passeio de gôndola que leva até a adega, um prédio com arquitetura mediterrânea e um terraço de onde se tem uma bela vista do Vale.

A vinícola não permite visita aos parreirais, mas o tour passa pela área de produção do vinho, onde ficam os barris e tonéis de todos os tipos e tamanhos.

Sterling Vineyards Napa Valley Na dúvida embarque (Small)

Sterling Vineyards Napa Valley Na dúvida embarque (Small)

O tour mais simples custa US$ 29,00 e o mais completo US$ 39,00 por pessoa, com direito a refeição preparada por chefs e harmonizadas com os vinhos da região. Funciona diariamente de 10:30 às 17 hs.

A Mumm Napa (8445 Silverado Trail – Rutherford) merece a fama que tem. A marca francesa de espumantes chegou à região na década de 70 e mantém as mesmas técnicas de produção originais. Oferece degustação de vinhos premiados no salão de degustação ou no patio externo e possui uma galeria de arte em seu interior.

A lojinha é maravilhosa e dá vontade de levar todos os vinhos, champanhes, taças e rolhas. Essas sim, são de graça! Se achar algumas pelo caminho, pode levar. 

Mumm Napa Valley Na dúvida embarque (3) (Small)

Mumm Napa Valley Na dúvida embarque (2) (Small)

mumm napa Na dúvida embarque (Small)

Os preços variam de US$ 20,00 a 50,00 por pessoa, conforme o nível de interesse do visitante, e a vinícola abre das 10 às 18 hs.

Enfim, fique à vontade para escolher entre as dezenas de vinícolas e aproveite seus restaurantes, tasting rooms e parreirais, mas tente se organizar e escolher com antecedência quais vinícolas e a sequência em que pretende visitar, já que uma pode ficar a muitos quilômetros da outra.

A vinícola Niebaum Coppola (1991 Santa Helena Highway – Rutherford), famosa por ter como proprietário Francis Ford Coppola tem um estilo diferente, bastante clássico e uma história muito interessante. O cineasta resolveu investir parte de seu dinheiro em uma tradição familiar: a produção de vinhos que, lá na Itália, era feita em casa.

O prédio é maravilhoso e a área externa um convite a ficar para sempre nessa região… Tudo muito agradável e de bom gosto.

Niebaum Coppola winery's Rutherford Napa Na dúvida embarque (3) (Small)

Niebaum Coppola winery's Rutherford Napa Na dúvida embarque (4) (Small)

Niebaum Coppola winery's Rutherford Napa Na dúvida embarque (6) (Small)Niebaum Coppola winery's Rutherford Napa Na dúvida embarque (2) (Small)Niebaum Coppola winery's Rutherford Napa Na dúvida embarque (1) (Small)

Napa Valley Califórnia Na dúvida embarque (Small)

O preço do tour inclui degustação de queijos e vinhos, com um guia, e custa US$ 45,00 por pessoa e dura aproximadamente 1 hora. O local funciona diariamente das 11 às 16 hs e é recomendável fazer reserva.

Se você não estiver disposto a pagar essa quantia ou não tiver feito reservas para visitar a vinícola (meu caso), é possível apenas passear na área externa, visitar o interior do prédio e desfrutar da deliciosa atmosfera dos vinhos…

Dicas finais para quem está em Napa Valley – antes da taça acabar…

* Passeio de balão. É possível realizar esse sonho exatamente sobre o belo Napa Valley! Mas dependendo da época do ano, é necessário agendar com antecedência e o passeio dependerá das condições climáticas. Para voar de balão é preciso chegar no ponto de encontro por volta das 4 horas da manhã (!) para organizar o voo e partir por volta das 6hs. Infelizmente não pude voar pois não havia mais vaga na empresa que contatamos em nosso último dia no Vale.

Como sempre digo, planejamento é fundamental, mas confesso que essa viagem aconteceu de repente e não tive tempo de fazer todas as reservas necessárias.

* Outlet. Se você estiver pensando em ir a um outlet, contenha seus instintos consumistas e fique atento, pois o Premium Outlet de Vacaville é o mais caro dos que já comprei nos Estados Unidos. Existe muita diferença de preço de um outlet para outro. Assim, a melhor opção seria ir até a cidade Gilroy, mais perto de São Francisco.

* Se beber não dirija. A dica está valendo aqui também. Nem preciso falar como é sério descumprir essa regra nos Estados Unidos. Portanto, se todos quiserem beber, o ideal é visitar as vinícolas em excursões. Existem várias delas, e nos sites oficiais de algumas vinícolas é possível reservar shuttles. Também há serviços similares de táxi, motorista e até limousine.

Depois de ler os posts sobre São Francisco, SausalitoSacramento e agora este, sobre Napa Valley, fica difícil não querer visitar o norte da Califórnia, não é mesmo?! Um brinde!

V. Sattui Napa California Na dúvida embarque (5) (Small)Sterling Vineyards Napa Valley Na dúvida embarque (2) (Small)

vinho cabernet vinícola Napa Valley California Na dúvida embarque (Small)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *