Itália: o país com mais Patrimônios da Humanidade

A Itália é um dos países mais lindos e agradáveis para viajar, não só pela deliciosa gastronomia, pelo idioma ou pela alegria escandalosa dos italianos, mas sobretudo em razão de suas inúmeras belezas naturais, culturais e arquitetônicas, que fizeram com que a península em forma de bota se tornasse o país do mundo com o maior número de Patrimônios da Humanidade, assim declarados pela UNESCO. Afinal, como não se apaixonar pelo berço do Renascimento, pelo coração do Império Romano, pelo sol da Toscana ou pelos

Roma: roteiro de 3 dias pela capital italiana

Sem dúvida, a parte mais importante de qualquer visita a Roma é a compreensão de seus aspectos históricos e o legado deixado pelo Império Romano. Mas como toda cidade italiana que se preze, Roma é intensa e tem uma grandiosidade única, expressa não só pelo barulho que os italianos fazem como nenhum outro povo — seja ao falar ou buzinar suas lambretas —mas sobretudo pela arte, moda, gastronomia… Infelizmente só pude ficar três dias, tendo sido um deles inteiramente dedicado a conhecer o Vaticano e seus museus,

Florença em 2 dias, uma parada entre Roma e Veneza

Todo mundo já ouviu falar que a Toscana é muito bonita, romântica e possui paisagens incríveis. Realmente, é tudo isso o que falam! Uma das mais belas e importantes da Itália, a região acolhe cidades como Pisa, Siena, Arezzo e Florença, nossa escolha no trajeto de Roma a Veneza. Depois de conhecer Roma, que é uma cidade grande, agitada e com trânsito caótico, decidimos ir de trem (em aproximadamente 1:40h até a estação Santa Maria Novella) para Florença ou Firenze (em italiano), uma cidade aconchegante, silenciosa

O que fazer no Vaticano e como ver o Papa

Passeio imperdível e quase obrigatório para quem está em Roma — mesmo para quem não é católico — é visitar o Vaticano, menor Estado do mundo, com área de apenas 0,44 km², sendo menor do que muitos bairros que conhecemos. A verdade é que por lá se confirma o ditado de que “tamanho não é documento” já que, apesar do pequeno território, é um dos Estados mais ricos, poderosos e influentes do mundo, ditando regras de convívio e comportamento há séculos. O Vaticano (ou Cidade Estado do Vaticano) foi

Slow Travel – mais do que um estilo de viagem, uma filosofia de vida

shutterstock

Em um mundo onde corremos o tempo todo, como se a vida fosse uma maratona com linha de chegada, até a comida é “fast”. Não nos damos conta, mas fazemos tudo de forma cada vez mais rápida, para termos tempo de cumprir outras obrigações. Em oposição a essa correria surgiu o slow travel, sobre o qual falamos nesse post. Com a ampliação do uso da internet e dos aparelhos que cabem na palma da mão, desacelerar e desligar está cada vez mais difícil. Como efeito,

Passo-a-passo para obter nacionalidade e passaporte europeus

Que brasileiro pode dizer com certeza absoluta que não tem um pezinho na Itália, na Espanha ou em Portugal? Quando inequívoca, nossa origem ultramarina nos confere o direito à aquisição de outra nacionalidade, e é isso o que muitas pessoas estão fazendo, diante de um país cada vez mais instável política e economicamente, bem como do crescente aumento do turismo e da possibilidade de estudar no exterior (com intercâmbio ou dupla diplomação). É cada vez maior o número de jovens que têm o objetivo de

As 10 melhores atrações de Gênova

Cidade portuária localizada na região italiana da Ligúria, turisticamente muito importante, a duas horas de Milão e de Pisa, Gênova possui bens considerados patrimônio cultural pela UNESCO, o que a torna um atrativo a parte. Devido a sua localização geográfica, a história e cultura da cidade sempre esteve associada ao mar, o que fez com que fosse o centro comercial mais importante do mundo, rivalizando com Veneza durante séculos. Até hoje é considerada uma importante cidade portuária na Europa, competindo pelo título de maior porto

A experiência no Costa Concordia

Costa Concordia… o navio que ficou famoso no mundo por ter naufragado na Itália em 2012 foi o navio em que fiz meu primeiro cruzeiro, na temporada de natal aqui no Brasil, em 2009. Nosso trajeto de sete dias saía do Rio de Janeiro, passava por Santos, Salvador, Ilha Bela, Santos e voltava para o Rio de Janeiro. O navio era lindo, enorme, o atendimento excelente e o astral ótimo. O funcionamento desses gigantes é muito interessante e engloba muitas e diferentes tarefas. Por muitos anos fazer um

Estádios de futebol na Europa

Quem nunca teve que fazer alguma concessão durante uma viagem: seja por causa da previsão do tempo, extravio de bagagem, cancelamento de voos ou até por passar mal? E o que fazer quando o marido ou namorado gosta de futebol e de cerveja e quer incluir no roteiro estádios de futebol ou cervejarias?! Posso dizer por experiência própria que vale a pena, e não é uma furada não! Já tinha sido muito legal conhecer La Bombonera, o estádio do Boca Juniors, em uma de nossas idas

Murano: bate-e-volta a partir de Veneza

Quem está em Veneza não pode deixar de fazer um bate-volta até Murano, uma ilha há aproximadamente 30 minutos, de vaporetto, da Piazza San Marco. É bem perto, fácil de chegar e o passeio é realmente muito agradável, sendo uma das poucas oportunidades de presenciar a produção, ao vivo, dos vidros. A fábrica mais popular entre os turistas é a Mazzega Glass Factory, mas nos fins de semana só é possível conhecer o seu showroom pois não há fabricação. Infelizmente visitei Murano num domingo e não assisti à fabricação do vidro,