Mala de mão: 10 kg com estilo e conforto

O assunto bagagem nunca sai de moda entre os viajantes. Malas estão sempre nos acompanhando pelo mundo e, vez ou outra, podemos ter alguma dificuldade para despachá-las, quando o assunto é peso. Pensando nisso, e diante da mudança na regra de franquia de bagagem, resolvi escrever esse post para esclarecer as dúvidas e também ajudar a montar uma mala de mão de até 10 kg, mas sem perder o estilo!

Com a recente alteração da regra de franquia de bagagem, não é mais permitido despachar — gratuitamente— duas malas de 32 kg em vôos internacionais ou uma de 23 em vôos nacionais. Ué! Mas, e agora?

Bem, agora só será possível viajar com uma mala de mão de 10 Kg e despachar duas malas de 23 kg em voos internacionais para a Europa e para os Estados Unidos. Caso queira despachar além isso, será preciso observar a regra em cada companhia aérea — e o preço que cada uma cobrará.

Se considerarmos a regra anterior, isso significa que você deixará de levar 18 quilos nas próximas viagens. Olhando pelo lado positivo, é ótimo viajar mais leve! 😉

O tamanho da mala de mão é outro aspecto importante pois existe um limite físico do compartimento superior de bagagens. A mala precisa atender as medidas 55 x 35 x 25 cm (altura, largura e espessura), variando poucos centímetros de uma cia para outra.


DICAS PARA FAZER A MALA DE MÃO COM ESTILO

Pensando em como fazer uma mala de mão com até 10 kg fui conversar com a consultora de imagem Nathalia Fontenelle, do VISTA SUA IMAGEM, que separou 9 dicas sobre como montar vários looks e continuar estilosa, sem precisar carregar o armário inteiro dentro da mala.

1- Levar pouca roupa não é sinônimo de se vestir mal. É preciso escolher peças básicas que combinem entre si, já que é inviável levar uma calça ou um casaco para cada dia da viagem.

2- Usar acessórios é outra dica para incrementar o look. Além de serem pequenos e leves, sempre ajudam a dar um up e compor o visual (lenços, brincos, colares, pulseiras).

3- Leve apenas sapatos confortáveis e que combinem com todas as peças da bagagem. De que adianta levar um sapato de salto para um destino de praia? Se usar uma vez será muito e ocupará um espaço importante na mala.

4- Para uma viagem de 10 dias no verão, 3 saias, 2 shorts, 3 vestidos e 4 blusas são capazes de criar até 14 looks diferentes. Se não gostar da ideia de repetir roupas, pode acrescentar algumas outras peças que ainda continuará dentro do peso permitido para bagagem de mão.

5- Já para uma viagem de inverno, 2 calças, 2 blusas, 1 vestidos, 1 blazer e 1 sobretudo montam até 12 looks. Claro que não é para levar apenas 2 blusas para 10 dias. Esse é apenas um exemplo de quantas combinações podem ser feitas, com pouca roupa. Lembre-se de que as roupas de inverno são mais pesadas e volumosas do que as de verão.

6- Por falar nisso, o tipo de tecido influencia no volume e no peso da bagagem. Procure levar roupas de tecidos leves e que não amassem muito;

7- Praticidade e conforto. Não leve roupas, bolsas ou sapatos que nunca tenha usado, pois a possibilidade de continuarem engavetados é grande;

8- Para ter ideia da quantidade de roupas calcule assim: uma calça para cada 3 dias e, em média, 3 blusas para cada parte de baixo. Ou seja, em tese, 9 blusas e 3 calças são suficientes para uma viagem de 9 dias.

9- Aprender a desapegar e conseguir levar apenas o essencial é um bom exercício para todas as ocasiões da vida. Lembre-se: menos é mais!

Como dizem que uma imagem fala mais do que mil palavras separei dois exemplos, um de verão e um de inverno, para verem como é fácil fazer combinações e levar menos roupa!mala de mão 10 kg

mala de mão 10 kg

 

É verdade que existem vantagens de levar apenas uma mala de mão, como não precisar se preocupar se ela chegará ao destino e, ao sair do avião, poder ir direto pro hotel, sem esperar a mala na esteira.

Seja uma mala de mão, uma simples mochila ou várias malas enormes despachadas… elas sempre farão parte das nossas viagens e quanto mais viajamos, mais aprendemos a desapegar.

Divergências à parte, a verdade é que temos que nos adequar as regras. E o diferencial será o preço cobrado pelo despacho do excesso de bagagem.

A GOL já anunciou que cobrará R$ 60,00 ou U$S 20,00 para a primeira bagagem despachada (mas o preço dependerá da tarifa e será diferente para compras online ou no balcão de check-in). Já a LATAM  foi mais rigorosa com seus passageiros e está cobrando R$ 80,00 em vôos nacionais e U$S 145,00 (quase 500 reais!!) para despachar a primeira mala de 23 Kg que ultrapassar a franquia de duas malas de 23 Kg.

Com mais esses gastos para os passageiros, a ideia é economizar na bagagem, levar apenas o necessário e tentar não ultrapassar o peso.

A regra foi alterada justamente sob o argumento de que isso poderia diminuir o preço das passagens e que seria um estímulo para as cias low costs virem para o Brasil. Ainda é cedo para prever esse panorama, mas torcemos para que isso realmente aconteça.

Enquanto isso, vamos tentando nos adaptar com ideias criativas para montar uma mala mais compacta e, ainda assim, cheia de estilo! Espero que as dicas da Nathalia do Vista Sua Imagem ajudem a tornar o momento de fazer a mala mais interessante e, principalmente, ajudem a manter a bagagem dentro do peso permitido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *